De onde Steve Jobs tirou a ideia de colocar um ‘i’ na frente do iPhone

02/10/2020 10:49

Apesar de ter morrido em 2011, o legado do empreendedor americano Steve Jobs, fundador da Apple, segue ecoando não apenas em sua empresa, mas em todo o setor de tecnologia.Um exemplo simples mas significativo é o uso da letra ‘i’ na frente dos nomes dos produtos mais icônicos da Apple, como o iPhone e o iPad. Mas, afinal, de onde veio essa ideia?

Jobs explicou a origem do ‘i’ em 1998, durante a apresentação do iMac. O ‘i’ vem de ‘internet’, principalmente.

Na época, a web já moldava o tipo de uso que usuários faziam de computadores, e levaram o time do iMac a focar nesse tipo de demanda, como Jobs explicou:

“Apesar de esse ser um Macintosh completo, nós estamos direcionando esse ao uso número um que os consumidores nos dizem querer para seu computador, que é entrar na internet – simples e rápido. É esse o objetivo desse produto.”

Jobs explicou também que havia outros significados por trás, entre eles, o da palavra ‘instrução’, um dos objetivos do equipamento:

“o ‘i’ também significa outras coisas para nós. Nós estamos focando esse produto para a educação. E é perfeito para a maior parte das coisas feitas no campo da instrução.”

Mais tarde, tanto o celular quanto o tablet da Apple se encaixavam nesse mesmo contexto de uso: acesso à internet e acesso a conhecimento. Por isso o lançamento dos nomes iPhone e iPad, que colaram, e seguem até hoje no portfólio da companhia californiana.

CREDITOS: YAHOO

Voltar

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!